Marca de moda feminina promove inclusão de refugiados

Na tarde da última sexta-feira, dia 3 de junho, o GAIRF organizou uma roda de troca de experiências e de contatos com Renatha Flores, co-fundadora do L’afrikana, marca social de moda feminina que produz vestuário e acessórios cuja criação é feita por refugiados do Quênia. O objetivo da organização é o desenvolvimento socioeconômico e o empoderamento de seus fundadores e executores por meio da moda, da cultura e da arte.

O encontro ocorreu na Pastoral do Migrante da Arquidiocese de Florianópolis, onde estiveram presentes Renatha Flores e membros do GAIRF Tamajara Silva, Ana Sofia Guerra, Mariá Boeira Lodetti e Fernando Damazio. Durante o encontro, os participantes compartilharam um pouco de suas experiências profissionais com populações de imigrantes e refugiados e planejaram iniciativas e metas futuras de parceria entre o L’afrikana e o GAIRF.

Clique aqui para saber mais sobre a marca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s