Assinado contrato para implantação de CRAI em SC

Foi assinado hoje (22/09) o convênio entre o Governo do Estado de Santa Catarina, a Ação Social Arquidiocesana de Florianópolis (ASA) e a Pastoral do Migrante da Arquidiocese de Florianópolis para a implantação do Centro de Referência e Acolhimento a Imigrantes e Refugiados (CRAI) que realizará atendimentos em nível estadual. O ato de assinatura foi realizado nesta manhã no auditório da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação, em Florianópolis. O CRAI irá funcionar no Terminal Rodoviário Rita Maria, localizado na região central da capital. Para atender as necessidades do centro serão realizadas reformas no local, com duração até novembro de 2016, quando posteriormente ocorrerá a inauguração.

Foto: Tamajara Silva


A Pastoral do Migrante de Florianópolis, através da Ação Social Arquidiocesana (ASA), entidades fundadoras do GAIRF, venceu no dia 30 de agosto de 2016 a licitação para a implantação do CRAI. Diante da ausência do centro, os atendimentos à população imigrante e refugiada de Florianópolis e região são realizados pela Pastoral do Migrante em uma pequena sala localizada na Igreja Santa Teresinha do Menino Jesus, na Prainha, em Florianópolis, por onde diariamente passam dezenas de imigrantes e refugiados em busca de auxílio sobre regularização de documentação, pedido e consulta sobre certidões consulares, orientações para envio da documentação a Polícia Federal para solicitar o registro de permanência, além de outras demandas. Os atendimentos na Pastoral continuarão a ser ofertados até a inauguração do CRAI.

A assinatura do convênio do Governo Federal com o Estadual para a criação do CRAI ocorreu em janeiro de 2016 e, desde então, buscava-se um local para o atendimento. Nos últimos meses um espaço no Terminal Rodoviário Rita Maria foi designado para a atividade. O CRAI é resultado de um convênio assinado pela União, com fundos do Ministério da Justiça, e pelo Governo do Estado de Santa Catarina com anuência do poder municipal de Florianópolis. O convênio tem duração de 24 meses, período no qual a ASA desempenhará as atividades referentes ao estabelecimento do CRAI, estruturação e organização do local e atendimento a imigrantes e refugiados.

A escolha da ASA para a concretização do CRAI de Florianópolis se deu após a instituição ser a única a apresentar proposto para o edital de concorrência pública n. 0028/2016 e cumpriu todos os requisitos de habilitação técnica exigidos pelo edital. No dia 7 de setembro de 2016 foi realizado um abraço cultural reunindo imigrantes, refugiados e demais entidades parceiras envolvidas para celebrar a futura assinatura do contrato, momento em que os participantes puderam conhecer parte das futuras dependências do CRAI no estado.

Anúncios

Uma resposta para “Assinado contrato para implantação de CRAI em SC

  1. que bom

    ________________________________

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s