Arquivo da tag: imigração

3ª Feira Gastronômica dos Imigrantes: lançado edital para participação de feirantes

Atenção (i)migrantes e refugiados da Grande Florianópolis e região, interessados/as em participar da próxima edição: foi lançado o edital para a 3ª Feira Gastronômica dos Imigrantes, prevista para ser realizada dia 9 de abril de 2017, na capital. Devido a grande procura, a Associação Cultural Cachola de Bernunça e o Coletivo Imigra Brasil, responsáveis por promover a atividade, convidam a todas e todos interessados para que se inscrevam previamente até a próxima sexta-feira, dia 17 de março.

Para mais informações, leia o edital.

Clique aqui para se inscrever.

A Associação Cachola de Bernunça também está precisando de voluntários para ajudar a ação. Mais informações pela página deles no Facebook: https://www.facebook.com/cacholadebernunca/

Captura de Tela 2017-03-13 às 21.40.06

Crédito da imagem: divulgação Cachola de Bernunça/Facebook

IFSC abre inscrições para cursos de Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para imigrantes

O Instituto Federal de Santa Catarina lançou o edital n. 21/DEING/2017/1, com a oferta de vagas para diversos cursos de qualificação profissional em cidades catarinenses no primeiro semestre de 2017. Entre os cursos oferecidos está o intitulado “Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para estrangeiros”. Com carga horária de 160h, foram disponibilizadas 40 vagas para o campus IFSC Gaspar em Blumenau e 30 vagas para o campus na cidade de Caçador. Em ambas localidades o curso será realizado em horário noturno. A iniciativa conta com a parceria das Cáritas Diocesana de Blumenau e de Caçador.

O pré-requisito necessário para participar da atividade é possuir o Ensino Fundamental completo. A inscrição é gratuita e deve ser feita apenas pela Internet, no link
https://sistemadeingresso.ifsc.edu.br/principal.php, até o dia 5 de fevereiro de 2017.

Mais informações sobre o edital neste link (clique aqui para acessar), pelo qual é possível ler o documento na íntegra.

 

Guia sobre “Migração e Tráfico Internacional de Pessoas”

O Ministério Público Federal, por meio da Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, disponibilizou recentemente ao público o guia “Migração e Tráfico Internacional de Pessoas”, um documento de referência utilizado pelo órgão. O objetivo da iniciativa é “oferecer subsídios como contributo para aperfeiçoar o conhecimento dos membros do Ministério Público Federal sobre a migração e o tráfico internacional de pessoas” (p.10), assim como também pode ser útil para pesquisadores, representantes de organizações não governamentais e demais integrantes da sociedade civil, ligados direta ou indiretamente à temática.

Clique aqui para fazer o download gratuito do guia.

Seminário aberto sobre a Guerra da Síria e os refugiados em Florianópolis

O Laboratório de Estudos Transdisciplinares e o Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) convidam para o Seminário aberto sobre a Guerra da Síria e os refugiados em Florianópolis, que será realizado dia 7 de novembro, a partir das 19h30 no auditório do Centro de Filosofias e Ciências Humanas (CFH).

Confira abaixo informações sobre o conteúdo programático do seminário:

Qual é o custo humano da guerra da Síria? O Ocidente é responsável por esta tragédia? Que papel o Brasil poderia desempenhar na sua solução ou alívio? Como podemos humanizar o refúgio e acolhimento que damos aos que nos procuraram?

A guerra civil na Síria foi provocada pelos problemas internos da nação e pela geopolítica internacional. O impasse possui elementos complexos que refletem questões próprias do Oriente Médio e as constantes intervenções das grandes potências.

O conflito que vem destruindo a Síria tem desafiado os analistas da Política Internacional. Ao contrário de outros levantes recentes a resolução desse conflito está muito longe do seu final. A Primavera Árabe não trouxe soluções, mas mais guerras que se fortalecem com mais ódio. A repressão militar gerou também expulsão das populações vítimas desses conflitos.

Os territórios do Próximo/Médio Oriente ficaram sob protetorado das potências ocidentais, com supervisão da Sociedade das Nações, após a Grande Guerra (1914-18) e a queda do Império Otomano. Essa partilha e domínio ocidental resultou em conflitos entre os povos e regimes políticos locais, e em ódio ao Ocidente.

A intenção deste seminário é debater quais são os principais atores envolvidos e como os mesmos levaram ao atual impasse, que trouxe uma das crises humanitárias mais graves da história recente, com milhares de mortos, muito sofrimento e milhões de desalojados: que contribuição podemos dar ao acolhimento dos refugiados?

Debatedores

Bruna Kadletz: Mestre em Sociologia e Mudança Global pela Universidade de Edimburgo. Tem experiência com refugiados na África do Sul, Turquia, Grécia, França, Alemanha, Hungria, Sérvia e Brasil. Palestrante na Europa e no Brasil, enfatizando a necessidade de reavivar valores humanos e espirituais na resposta humanitária. Colaboradora regular da plataforma on-line Refugees Deeply com a série Displaced and Disposable.

Márcio Roberto Voigt é Doutor em Ciência Política pela UFRGS e professor de História das Relações Internacionais do curso de Relações Internacionais da UFSC. Atua também no Programa de Pós-Graduação em História da UFSC.

João Lupi: Licenciado em Filosofia e em Pedagogia, bacharel em Teologia, pós-graduado em Política, Antropologia e Patrística, Doutor em Filosofia. Coordenador do Núcleo de Estudos Islâmicos do DICH.

Com informações da organização do evento.

Cartaz “Proteja o Imigrante”

Com o objetivo de realizar um mapeamento institucional dos principais serviços disponibilizados aos imigrantes e refugiados que chegam à cidade de Florianópolis, a Pastoral do Migrante da Arquidiocese de Florianópolis divulgou o trabalho realizado por Fabiana Amaral, graduanda em Artes Visuais na Universidade do Estado de Santa Catarina: o cartaz “Proteja o imigrante”, com informações úteis à população imigrante e em situação de refúgio.

A ideia é proporcionar um mapa de localização dos principais serviços a serem acessados por imigrantes. O instrumento é disponibilizado para impressão e disponibilização nas instituições  públicas  e da sociedade  civil. As demais regionais que queiram realizar algo similar podem conversar com Fabiana Amaral diretamente por e-mail (o endereço está localizado no próprio cartaz).

O documento em formato PDF também ficará disponível aqui no blog do GAIRF, página Portal do Migrante, onde é possível ter acesso a uma série de sites e documentos importantes a imigrantes e refugiados.

Clique aqui para acessar o cartaz.

GAIRF e Caras de Palco promovem espetáculo teatral para imigrantes e comunidade

No próximo domingo, dia 20 de março, o grupo teatral de improviso Caras de Palco, por meio do projeto “Playback na Comunidade”, e o GAIRF promovem o espetáculo “Travessias”. O evento será realizado a partir das  16h no salão superior da Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus, no bairro José Mendes, em Florianópolis.

Com o objetivo de retratar os deslocamentos por meio de fronteiras visíveis e invisíveis, a ação busca sensibilizar a sociedade sobre as migrações e os inúmeros desafios pelos quais milhares de pessoas passam diariamente no Brasil e no mundo.

A peça é voltada para (i)migrantes e comunidade em geral, visando um momento de integração e sociabilização de ambas as partes.

Participe e convide amigos/as (i)migrantes. A atividade é gratuita.

Mais informações a seguir:

  • Espetáculo Travessias – Grupo de teatro Caras de Palco e GAIRF
  • Quando? 20 de março de 2016 (domingo), às 16h00
  • Onde? Salão superior da Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus – Rua Treze de maio, n. 62, bairro José Mendes, Florianópolis.
  • Evento gratuito.

teatro.